Se a vida ficou mais colorida para todos enquanto indivíduos, no trabalho ainda é um pouco cinza. Como podemos mudar esta situação especialmente na área de call center, onde há um alto turnover e a necessidade de capacitação é constante? Como manter o nível de engajamento e fazer com que a retenção de conteúdo aconteça?

A gamificação faz parte dessa resposta!

A época de investir dias, semanas e até meses no treinamento de pessoas faz parte do passado. Nunca compensou organizar cronogramas que dedicavam períodos longos de capacitação exclusiva e não priorizavam colocar “a mão na massa” assim que possível. 

Com jogos, o funcionário absorve as informações necessárias com muito mais facilidade e eficiência. 

Através das plataformas de gamificação, que podem ter seus conteúdos personalizados pela própria empresa, é possível facilitar as tomadas de decisão e o cruzamento de informações analisando a performance de cada funcionário, e economizar horas de produção e distribuição de conteúdo com um retorno sobre investimento comprovado. 

Ferramentas como a da Kludo, produzem dashboards personalizados onde é possível acompanhar o desempenho dos colaboradores e entender quais processos exigem melhor investimento.

Um público jovem como o de call center, com qualificações básicas e em que muitos têm a oportunidade como primeira experiência profissional, o desafio de fazer com que mantenham o foco por períodos longos não é uma tarefa trivial e certamente impacta no sucesso dos treinamentos. 

Utilizar recursos mais atrativos e atividades lúdicas que simulam o ambiente da empresa durante a capacitação de funcionários é uma forma de garantir que eles compreendam a cultura da empresa e ainda comprova que trabalhar e treinar pode sim ser divertido!

Quer saber mais? Marque uma reunião com o time da Kludo e descubra outras vantagens do treinamento gamificado!

Deixe uma resposta